Guarda encerra festa clandestina na madruga em Vinhedo

Durante a madrugada deste domingo, 17, a Guarda Municipal de Vinhedo terminou com uma festa clandestina com cerca de 500 pessoas, segundo informações da GM, em uma chácara localizada no bairro Caixa d’Água.

Um dos frequentadores, informou que se tratava de um evento pago, com a venda de convites, onde os homens pagavam R$ 30 de entrada, e as mulheres R$ 10. Festa desse tipo estão proibidas por causa das restrições da pandemia do novo coronavírus.

De acordo com a corporação, perto da meia noite a Central de Atendimento da GM recebeu diversas ligações falando de uma festa de grande proporção na Rua dos Italianos. Então foram deslocadas três viaturas para o local.

Ao chegar na referida rua, notou-se que haviam inúmeros veículos estacionados em ambos os lados da mesma, inclusive vários irregularmente, atrapalhando o trânsito.

Em contato com o proprietário do imóvel foi constato que a chácara era alugada. “Ele informou que havia alugado a mesma para apenas 15 pessoas, que ao alugar foi informado que seria apenas para um pequeno grupo familiar”, disse a Guarda Municipal.

Ainda segundo relato da GM, o proprietário tentou esvaziar o local, mas sentiu dificuldades e solicitou auxiliou da corporação.

Ao chegar pelo local, os agentes da Guarda Municipal notaram que não havia som com volume alto, porém havia a questão do uso não uso máscara e de aglomeração por parte dos envolvidos, ferindo o decreto municipal em vigor que impõe restrições sanitárias por causa do novo coronavírus.

A GM então orientou a todos que se retirassem do local. Foi realizado também uma varredura por toda a rua e os carros em desacordo com as normas de trânsito, foram autuados.

A Guarda Municipal elaborou um boletim de ocorrência que será encaminhado a Prefeitura para as devidas providências.