Média de idade dos ônibus cai de 7 para 4,3 anos na frota da EMTU

Veículos vão substituir parte dos 408 coletivos que operam na região de Campinas

140 veículos entregues em 2019 transportam cerca de 65 mil dos 130 mil passageiros atendidos diariamente (Foto: EMTU)

Mais 40 ônibus zero-quilômetro foram entregues nesta quarta-feira, pelo Governo do Estado de São Paulo. Os veículos são equipados com ar-condicionado, wi-fi e tomada USB para atender a Região Metropolitana de Campinas (RMC).

Com o lote completo em operação, a idade média da frota intermunicipal na RMC baixa de 7 anos para 4,2 anos. O investimento do Consórcio BUS+, operador do sistema intermunicipal gerenciado pela EMTU/SP, soma R$ 59 milhões, num total de 140 veículos.

Os novos ônibus, juntamente com os 100 já entregues no decorrer deste ano, vão substituir parte da frota de 408 veículos que opera na RMC, completando assim o lote de 140 ônibus zero quilômetro planejado para circular nas linhas metropolitanas da região.

Os veículos vão circular em linhas operadas pela empresa Capellini, integrante do Consórcio Bus+, que atua nos municípios de Engenheiro Coelho, Artur Nogueira, Cosmópolis, Paulínia, Americana, Santa Bárbara D’Oeste, Nova Odessa, Sumaré, Hortolândia, Monte Mor, Indaiatuba, Campinas, Vinhedo e Valinhos.

Os 140 veículos entregues em 2019 transportam cerca de 65 mil dos 130 mil passageiros atendidos diariamente pelas linhas que interligam esses 14 municípios. Do tipo convencional, possuem elevador para pessoas com dificuldade de locomoção e têm capacidade, cada um, para transportar 76 passageiros, sendo 34 sentados e 42 em pé. O motor diesel Euro V possui a tecnologia mais moderna do ponto de vista ambiental.