Polícia prende casal suspeito de matar motorista vinhedense

A vítima Luiz Otávio Comissio de 23 anos

Um casal foi preso na noite da segunda-feira, 6, após confessarem ter matado um motorista do transporte por aplicativo, na cidade de Campinas. A vítima, Luiz Otávio Comissio, de 23 anos, era morador de Vinhedo e estava desaparecido desde o último dia 29 de junho.

De acordo com o Batalhão de Ações Especiais da Polícia Militar, um rapaz, de 25 anos, confessou o homicídio, que teria acontecido após uma discussão com o motorista. Foi descartada a hipótese de latrocínio, quando acontece o roubo seguido de morte.

O autor do crime indicou o local onde deixou o corpo, que foi encontrado carbonizado. Com a confissão do rapaz, a esposa dele, de 19 anos, também confirmou que estava com o marido e que teve participação no crime. Eles indicaram o envolvimento de mais dois suspeitos que são procurados pelas autoridades.

O caso foi registrado como homicídio e ocultação de cadáver no Plantão da 2ª Delegacia Seccional de Campinas. Foi arbitrada fiança no valor de R$ 20 mil reais para cada um dos indiciados, mas a quantia não foi paga. O homem foi encaminhado à cadeia anexa ao 2º Distrito Policial de Campinas e a esposa à cadeia feminina de Paulínia.