Vinhedo é representada em mostra de teatro de Minas Gerais

No último sábado, 6, Lara Crivellari e Renan Mozzer levaram o nome de Vinhedo para o Festival Internacional de Teatro de Guaranésia, Minas Gerais. Essa edição de Cenas Curtas aconteceu 100% online e contou com grupos de todo o Brasil. A cidade foi representada pela Companhia Céu Branco com o espetáculo “Ilha 8.32”, apresentada em Vinhedo no Festevi de 2020 e pela cena “Porto da Morte” do Grupo Lakuna, onde Renan atua com a atriz Carol Frattini.

“Atuar é vida. É como o ar que respiramos, é necessário”, diz o diretor e ator, Renan Mozzer. O processo criativo teve que se ajustar as condições atuais, com ensaios remotos e a apresentação transmitida por Zoom, com os atores presencialmente em um estúdio de gravação.

“Estamos felizes de levar o nome de Vinhedo para mais festivais no Brasil, principalmente nesse momento difícil que estamos vivendo”, comenta a atriz Lara Crivellari. A dupla foi indicada como Melhor Atuação Coletiva na cena “Ilha 8.32” e Renan Mozzer levou o prêmio de Melhor Direção pela Cena “Porto da Morte” do Grupo Lakuna.

Lara e Renan criaram em 2018 o Núcleo Experimental Cênico de Vinhedo, que reúne diversas companhias teatrais com foco em não atores e atores amadores na pesquisa das artes cênicas. O grupo já possui mais de 10 espetáculos no currículo e promete ainda mais surpresas nesses próximos meses, agora focado no público infantil. “Estamos percebendo uma carência de peças teatrais de qualidade para o público infantil na região e queremos atuar fortemente nisso”, declara o diretor. “Em frente ao desafio, lançaremos duas novas peças e um novo universo lúdico que engloba as redes sociais de forma lúdica e criativa”, completa Lara.  Uma ótima pedida para adultos e crianças. Para saber os próximos e novidades do grupo os leitores podem acompanhar a página na rede social Instagram no perfil @TurmadeTomas. Para saber mais das companhias, é só acompanhar as redes sociais da @ciaceubranco_, @grupoLakuna e @ciaAta.