Casos suspeitos de Coronavírus chegam a 7 em Vinhedo

Prefeitura reforça à população que não há motivos para pânico

Coronavírus apresenta quadro que pode variar de leve a moderado, semelhante a um resfriado (Foto: Divulgação/Josué Damacena – IOC Fiocruz)

A Prefeitura de Vinhedo informou na tarde desta segunda-feira, 9, que no momento há sete casos suspeitos de coronavírus no município, todos sendo acompanhados pela Secretaria de Saúde.

Dos sete casos, três foram informados na sexta-feira e outro três no final de semana. O outro caso é de um senhor que já era monitorado (constava na relação anterior). Ele e sua esposa estiveram na Itália no mês passado. O resultado para sua esposa já chegou e deu negativo para o Covid-19.

Além disso, também no final de semana, terminou o período de monitoramento por duas semanas de dois adultos e uma criança vinhedenses que tiveram contato com o primeiro caso confirmado de coronavírus no Brasil, um homem de São Paulo. Eles não chegaram a ter sintomas da doença e, apesar de monitorados, não chegaram a constar como suspeitos da doença.

A Secretaria de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, tem seguido todos os protocolos definidos pelo Ministério de Saúde. Pacientes com sintomas da doença podem procurar os serviços de Saúde do município.

A Prefeitura de Vinhedo reforça à população que não há motivos para pânico. Profissionais de Saúde do município foram treinados especificamente para lidar com a possibilidade da chegada deste novo vírus.

As medidas preventivas não só para o Coronavírus, mas para toda e qualquer infecção respiratória, são boas práticas de higiene (lavar as mãos com água e sabão, uso do álcool gel, evitar aglomerações, cobrir a boca com o braço ao tossir ou espirrar, evitar tocar os olhos nariz e boca com as mãos).

O Coronavírus apresenta quadro que pode variar de leve a moderado, semelhante a um resfriado, com sintomas como febre, tosse e dificuldade para respirar.