Vinhedo tem o primeiro caso suspeito de Coronavírus

Mulher de 63 anos está em casa, mas segue monitorada

A Prefeitura de Vinhedo informou neste domingo, 1, que foi registrado o primeiro caso de morador do município com suspeita de Coronavírus. Trata-se de uma mulher de 63 anos. Ela foi atendida no hospital Galileo, em Valinhos. A paciente esteve na Itália e retornou para o Brasil na terça-feira, 25, e começou com sintomas na quinta-feira, 27, tais como febre, coriza, tosse e dor de garganta. Seu marido que viajou junto está assintomático.

O caso foi reportado à Secretaria de Saúde da Prefeitura de Vinhedo neste sábado, 29 de fevereiro. A paciente recebeu alta e está em casa, sendo monitorada, permanecendo em
isolamento domiciliar. O acompanhamento se estende a seu marido. A Prefeitura aguarda
resultado de exame.

O caso não tem relação com as pessoas que tiveram contato com o primeiro caso confirmado no Brasil. Segundo a Prefeitura, dois adultos e uma criança que, no final de semana anterior, estiveram com um homem de São Paulo que teve o diagnóstico da doença, ainda seguem em monitoramento, no entanto até o momento elas não apresentaram os sintomas do Coronavírus

A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Vinhedo, por meio da Vigilância Epidemiológica, tem seguido todos os protocolos definidos pelo Ministério de Saúde. Pacientes com sintomas da doença podem procurar os serviços de Saúde do município.

A Prefeitura de Vinhedo, por meio da Secretaria de Saúde, reforça à população que não há motivos para pânico. Profissionais de Saúde do município foram treinados especificamente para lidar com a possibilidade da chegada deste novo vírus.

As medidas preventivas não só para o Coronavírus, mas para toda e qualquer infecção respiratória, são boas práticas de higiene (lavar as mãos com água e sabão, uso do álcool gel, evitar aglomerações, cobrir a boca com o braço ao tossir ou espirrar, evitar tocar os olhos nariz e boca com as mãos).

O Coronavírus apresenta quadro que pode variar de leve a moderado, semelhante a um resfriado, com sintomas como febre, tosse e dificuldade para respirar.