Com pouca efetividade, vagas para drive thru são disponibilizadas

Exemplo de vaga que não é possível acessar com o veículos

A Prefeitura de Vinhedo autorizou o comércio da cidade a utilizar vagas de estacionamento demarcadas em vias públicas para a entrega de produtos no sistema drive thru, durante a fase emergencial e fase vermelha do Plano São Paulo de combate à pandemia de coronavírus. As vagas devem ser compartilhadas pelas lojas e haverá critérios para sua utilização.

A reportagem do Jornal de Vinhedo esteve no centro da cidade e pode constatar que a maioria dessas vagas está sem uso, algumas delas era impossível ser acessadas com veículos, pois havia carros parados fechando a entrada e saída. Ou seja, a ação tem pouca efetividade e baixa adesão.

Apesar da cidade ainda estar a fase vermelha e segundo a Prefeitura, o atendimento presencial continuar suspenso, a maioria do comércio está funcionando normalmente, alguns de portas abertas outros com meia porta. Nesta quarta-feira, 7, o movimento na Rua Nove de Julho era de um dia normal. Muitas pessoas inclusive caminhando sem máscara.

No sistema drive thru, os estabelecimentos comerciais poderão utilizar as vagas de estacionamento demarcadas na via pública, em frente à sua loja ou na mesma quadra, de maneira compartilhada, em locais onde o estacionamento não esteja proibido.

Não será permitida a parada em fila dupla. No caso de proibição de estacionamento de um lado ou em ambos os lados da via, o comerciante pode usar trechos próximos liberados para estacionamento, vias perpendiculares ou aderir a serviços montados em quarteirão próximo. A loja poderá utilizar estacionamento próprio ou terceirizado.

Em todas as situações, as lojas devem manter um colaborador para indicar o local de atendimento e organizar o fluxo dos veículos. Shoppings ou centros de compras que possuem estacionamento próprio e suficientemente amplo poderão montar seu sistema de drive thru, desde que o cliente não seja atendido fora do veículo.

A cobrança do estacionamento rotativo, Zona Azul, fica suspensa nas vagas ocupadas durante as operações de drive thru.

Não poderão ser ocupadas pelos comerciantes vagas de uso especial, como as de idosos, deficientes, farmácias ou emergências em saúde, pontos de parada de ônibus. As regras de trânsito devem ser respeitadas. O serviço pode ser suspenso caso interfira no tráfego de veículos na via ou na segurança de pedestres.

Exigências

Os comerciantes devem impedir acesso de clientes ao interior das lojas, disponibilizar telefone ou canais online para a antecipação de pedidos, informar o número de telefone na porta do estabelecimento. O comércio deve ter no máximo um colaborador a cada dez metros quadrados de área de trabalho, usando máscara facial de proteção individual.

Cada cliente deve permanecer nas vagas de estacionamento no máximo 15 minutos. Será preciso garantir a circulação segura de pedestres e a fluidez do tráfego normal da via pública. Embalagens dos produtos devem ser higienizadas antes da entrega.

Os comerciantes devem utilizar preferencialmente pagamento online, cartões de débito ou crédito. É obrigatório o monitoramento diário da saúde dos colaboradores, que devem ser afastados caso apresentem sintomas gripais ou respiratórios.

A fiscalização será feita pela Vigilância Sanitária Municipal, fiscais de posturas, de tributos, de trânsito, Procon e Guarda Municipal de Vinhedo.