Prefeitura tenta, mas vinhedenses não deixam de frequentar a Represa I

Entrada da Represa I nesta sexta-feira, 2 de abril

A Prefeitura de Vinhedo tentou pela primeira vez de forma mais incisiva fechar a única área de lazer da cidade que continua aberta durante a fase mais aguda da pandemia que atinge todo o país. Nesta sexta-feira, 2, foram colocadas faixas e fitas zebradas para impedir o acesso de carros no estacionamento do local e avisar a população que conforme o decreto estadual o local permanece fechado.

No entanto, isso não inibiu a presença de frequentadores, muitos deles sem máscaras. A reportagem do Jornal de Vinhedo esteve no local, fora do horário de pico, e constatou a presença de famílias inteiras, pessoas utilizando a quadra de areia, alguns caminhando outros pescando e todos ignorando as cinco faixas que indicam que o local está fechado.

Na falta de estacionamento da represa, os frequentadores estacionaram em ruas do entorno. No momento que a reportagem foi até a Represa I não encontrou nenhum carro da Guarda Municipal ou de qualquer outro órgão da Prefeitura.

Durante a transmissão ao vivo semanal do prefeito Dario Pacheco (PTB) foi cobrado sobre a funcionamento do local, principalmente por comerciantes que tiveram que fechar as suas lojas.

Todos os demais parques da cidade estão fechados e por enquanto sem previsão de retorno.